quinta-feira, 28 de junho de 2012

Confraternização Junina - " São João na Escola"
 Olha a fogueira aííííííiííííí!!!!!!!!!
 Viva São Joãããããããoooo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 comidas típicas
Mingal é comida típica tb
 EEF São Paulo realiza confraternização junina
 mesa das comidas típícas
pé-de-moleque bolo de milho
 paçoca, cuscuz, café, peixe assado na fogueira, farinha de mandioca puba, etc
 cocadas, espetinhos, vinho, bolo pé-de-moleque, sucos e até pipocas, etc
 é só alegria!
 Helena ta te mostrando o jerimum assando na fogueira, ta vendo? eu nun tô
 acabou de sair da fogueira ta quentinho
 delícia de jerimum
 Jerimum assado na fogueira
 tapioca
 batata doce
 grude
 bolo de milho
 tapioca
Jerimun assado na fogueira.
E EM FORMOSA...
 EEF Formosa
 arraiá Luz do Sol!!!!!
 fofuras lindas
 quadrilha infantil
 EEF Formosa
 quadrilha infantil
 quadrilha infantil
video video
hora do lanchinho

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Aula de Música na Escola

         A professora Priscila Brandão tem desenvolvido um excelente trabalho na área Música na Escola, com o apoio da diretora Almerinda, e da ex diretora Alzira Nunes. Os tres grupos - Teclado, Violão e Coral estão indo muito bem, pois a professora trabalha com muita responsabilidade.
Agradecimentos a Prefeitura Municipal de Cruz e a Secretaria de Educação!
Parabéns a professora Priscila Brandão!
 Professora Priscila
 Professora Priscila e seus alunos de Teclado Katiane e Elisvaldo
 Katiane e Elisvaldo - alunos do teclado
 Professora ensina tocar teclado
 O aluno Elisvaldo e professora Priscila
 Aluno Ricardo
 Aluno Ricardo e professora de música
 aluno de teclado
Flávia
 Professora Alzira
Professora Alzira
 Leane e Tássila na sala de Música
Professora Alzira e alunas Tássila Sabrina e Leane
 Aulas de violão para Dheyna, João Carlos e Rodrigo
 Sala de Música
 Sala de Música

quinta-feira, 7 de junho de 2012


 
HISTÓRIA DA ESCOLA / 25 ANOS

Autora: Alzira Nunes Brandão de Souza - Diretora

NOME DA ESCOLA: Escola de Ensino Fundamental São Paulo – Cruz - Ce

       A Escola de Ensino Fundamental São Paulo, situada na localidade de Cavalo Bravo, no Município de Cruz – Ce, teve seu primeiro ano de funcionamento em 1985,  ano da emancipação política do Município de Cruz, com o nome Escola Isolada São Paulo, e com uma turma de 25 alunos. Mas foi em 1° de Março de 1986, que ficou marcada, como data de fundação, no primeiro ano de administração política municipal, do primeiro prefeito de Cruz, João Muniz Sobrinho, com o nome Escola Reunida São Paulo. Esse nome se deu em homenagem ao Padroeiro da própria comunidade de Cavalo Bravo, que é São Paulo Apóstolo.  
        A mesma originou-se da necessidade de alfabetizar as crianças e os jovens da comunidade e, devido a emancipação do município de Cruz., em 1985. Foram nomeadas algumas pessoas da comunidade para exercer o cargo de professor (a) e, através de uma prova de seleção foram selecionados dois professores: Alzira Nunes Brandão de Souza e Francisca Ferreira Brandão.                                                                                                                                                                                                                                                                                                                 
      Não havia o prédio escolar, portanto, inicialmente, as aulas funcionavam num salão da comunidade chamado Centro Comunitário. Eram duas turmas, uma de alfabetização, no horário da manhã, para alunos de 7 anos acima e que ainda não sabiam ler, e a outra, de 1ª série, formada por aqueles que já tinham 8 anos ou mais e que já liam, no horário da tarde. Os alunos que iam sendo promovidos para a 2ª série, passavam a estudar na escola da comunidade vizinha, visto que o pequeno Centro Comunitário de Cavalo Bravo era só um salão.
      Em 1989, três (3) anos após sua fundação foi formada outra turma, no caso, a 2ª série, sendo que a 1ª série, funcionava no horário intermediário, isto é, das 10:30 as 14:00hs. Alfabetização das 7:00h às 10:30hs e, 2ª série das 14:00 as 17:30hs. Como assim não se cumpria a carga horária completa, no ano seguinte foi-se a 3ª e 2ª séries para a escola da comunidade vizinha.
       Só em 1992, seis (6) anos após sua fundação, uma família resolveu emprestar a sala de fora da sua casa para funcionar novamente uma 2ª série e, em 1993, a 2ª e a 3ª séries. Em 1994, aconteceu que essa família, logo após o início das aulas, decidiu que não suportava mais aquelas turmas em sua casa e resolveu expulsa-las, então saíram professora e alunos cada um com uma carteira na cabeça sem ter para onde ir, e então, outra família os acolheu.
     Diante dessa dificuldade a comunidade solicitou ao senhor prefeito, para que construísse um prédio escolar. O senhor prefeito (Jonas Muniz) vendo a necessidade, construiu a escola tão solicitada, no início do ano de 1994, mas, com apenas duas salas, amplas e arejadas, uma minúscula cantina, um minúsculo depósito para a merenda, dois banheiros pequeníssimos e, uma secretaria com um minúsculo banheiro. Como em 1994, já se contava com cinco turmas, acréscimo da primeira turma de 4ª série, o prédio construído não resolveu o problema e se continuou com uma turma funcionando no Centro Comunitário. Foi no dia 18 de abril de 1994, que se inaugurou o prédio escolar – cada criança, a uma hora da tarde, saia do Centro Comunitário e da Casa onde  funcionavam duas turmas, cada uma, levando sua carteira escolar e seus livros, em direção a nova escola, era dia do Livro Infantil, e foi nessa data que as crianças receberam seu livro didático do ano.
       Em 1995, a Escola só contou com quatro turmas novamente, tivemos uma turma multisseriado de 3ª e 4ª séries. Esse ano não foi utilizado o Centro Comunitário.
      Em 1996, não teve multisseriado e a Escola contou novamente com cinco (5) turmas, voltando a utilizar o Centro Comunitário.
       Em 1997, aconteceu a implantação da Educação para Adultos, uma turma multisserado de 1ª e 2ª séries. A Escola contou com seis (6) turmas, sendo uma no Centro Comunitário.
       Em 1998, continua-se com seis (6) turmas, tivemos um anexo na Escola Valdionor Martins, com duas turmas – 1ª e 2ª séries e, nesse ano não houve turma de alfabetização de crianças nem de adultos.
        Em 1999, a Escola Renato Gonçalves Louzada, da localidade de Formosa, passou a ser um anexo desta escola, e nesse ano, a turma anexada foi uma turma de Educação de Adultos, chamada Aceleração II, era uma turma de 2ª série e, esse ano a escola contou com sete (7) turmas.
        Ainda nesse ano, a escola ganhou uma terceira sala de aula, no início do segundo ano da administração do senhor prefeito Manoel Nelson da Silveira, e a partir de então a prefeitura deixou de usar emprestado o prédio da comunidade que a 14 anos se servia dele. Foi ainda nesse ano que o nome da escola passou a ser Escola de Ensino Fundamental São Paulo.
         No ano 2000, como em 1999 a escola ganhou uma sala, não foi preciso despedir os alunos aprovados para a 5ª série. Sendo assim, esse ano a escola contou com uma 5ª série com 21 alunos, uma 4ª série com 25 alunos, 3ª série - 30 alunos, 2ª série – 24 alunos, 1ª série – 35 alunos, Pré - escolar A – 32 alunos, Pré - escolar B – 21 alunos, uma turma de Aceleração III – 27 alunos, formando um total de 215 alunos.
         Em 2001, a escola contou com 9 turmas, sendo 2 a noite por ser a EJA (Educação de Jovens e adultos), e um TAF (Tempo de Avançar Fundamental), esta com 23 alunos. 1ª série e pré-escolar funcionou no pátio na chegada da escola com empanadas para proteger as crianças do sol e da chuva, e a 6ª série foi despedida por não haver salas suficientes.
      Em 2002, por pedido dos pais para não enviarem seus filhos para outra escola, pediram para matricularem aqui, mesmo sendo a noite, por isso, houve nesse ano a turma 7ª série, 6ª série e EJA a noite, 5ª, 4ª, e 3ª a tarde, 2ª, 1ª e pré pela manhã.
       No ano 2003, a mesma dificuldade, falta de salas: uma das turmas do Infantil funcionou atrás da empanada como nos outros anos e, nesse ano, a 5ª e a 6ª série, funcionou pela manhã, as duas Infantis e a 3ª série. A tarde funcionou 1ª, 2ª e 4ª e, uma multisseriado 1ª e 2ª no anexo em Formosa. A noite funcionou a 7ª série e uma turma de TAF.
         No final do ano 2003, ainda na administração do senhor prefeito Manoel Nelson da Silveira, a Escola foi contemplada com mais uma sala de aula, e assim podemos voltar as turmas da noite para o dia, em 2004. Pela manhã funcionaram 6ª, 3ª, 2ª e 1ª, a tarde 7ª, 4ª e duas turmas de Infantil.  A noite uma EJA e, no Anexo uma turma mutisseriado de 1ª e 2ª a tarde, e manhã uma turma de 3ª série.
      Em 2005, já se contava com 12 turmas: uma turma de Educação de Jovens e Adultos (EJA) e 8ª série a noite, a tarde 7ª, 6ª, 2ª, Pré I e Pré II, as duas últimas numa mesma sala no mesmo horário e uma turma multisseriado 3ª e 4ª série no Anexo. Pela manhã funcionaram 5ª, 4ª, 3ª e 1ª séries.
        Em 2006, a escola contou com 16 turmas: Pela manhã 6ª, 3ª A, 2ª, um 1° Ano do Ensino Fundamental de nove (9) anos, e uma turma de Pré 1 A. Um Pré B e 5ª série B no anexo. A tarde: 7ª A, 5ª A, 4ª e Pré 2. No anexo 7ª B e 4ª B. A noite 8ª série e duas turmas de EJA multisseriado. Nesse ano, saímos das empanadas, nessa última administração do Prefeito Jonas Muniz, foi construída a “Sala da Educação Infantil”.                    
         Em 2007, a escola chegou a formar o Ensino Fundamental completo, sabe-se que em 2001 e em 2003, houve conclusão do Ensino Fundamental das duas turmas de TAF (Tempo de Avançar Fundamental), mas no Ensino Regular, a primeira turma de 8ª série, foi em 2007. Esse ano também foi marcado, pela mudança do Ensino Fundamental de oito (8) anos, para o Ensino Fundamental de nove (9) anos, conforme resolução n° 410/2006 do Conselho Estadual de Educação, iniciando essa mudança em 2006 com o 1° Ano.
        Nesse ano formamos apenas 13 turmas, sendo: Infantil 4, 1° Ano, 2°, 4° e 7° pela manhã, Infantil 5, 6° Ano, 8° e 9° Ano a tarde. A noite, uma turma de EJA. No anexo funcionou Infantil 3 A, manhã, e a tarde 5° Ano B e 7° Ano B.
        Em 2008, tivemos quatro turmas de Infantil, uma 1° Ano, uma 2°, uma 3°, uma 5°, duas 6°, uma 7°, duas 8°, uma 9° e duas EJA.
         Em 2009: quatro turmas de Infantil, uma 1° Ano, uma 2°, uma 3°, uma 4°, uma 6°, uma 7°, duas 8° e, duas 9°.
         A Escola busca construir uma educação que sirva para a vida, vida esta, onde se respeite o ser humano, como humano, construir uma educação com compromisso, ética e coletividade, que assim represente importância para a sociedade cearense a partir de um povo melhor educado e melhor qualidade de vida.
      Seus desafios, desde sempre e atualmente foi promover uma educação de boa qualidade, ajudando na ampliação do conhecimento, valorização humana, expectativa de futuro dos alunos e, buscando alcançar as metas propostas para ter bons resultados.
       Sobre o Projeto Político Pedagógico, ele é como que setas no caminho, para se caminhar com fundamento, é o alicerce de toda a ação da escola e da educação, o norte, para que ninguém se sinta alheio no trabalho escolar.                                                           
         As pessoas que contribuíram para sua fundação incluem Eclesiásticos – pe. Valdery; Políticos – prefeito João Muniz Sobrinho; Educadores – a professora Maria Alice do Nascimento atual secretária de educação na época; Pessoas da Comunidade – catequistas: Alzira Nunes Brandão de Souza e Francisca Ferreira Brandão. O senhor Manoel Raimundo Brandão que doou o terreno para a construção do prédio escolar e o senhor Pedro Brandão de Souza o dirigente atual da comunidade na época.
      Hoje, pode-se dizer que muito melhorou, apesar das muitas coisas necessárias que nos faltam, por exemplo: sala de informática, quadra poliesportiva, almoxarifado, depósito para merenda, diretoria, banheiros, sala de música, auditório, biblioteca, cantina, refeitório, etc. Aqui temos boa participação dos pais na reunião de Pais e Mestres, e não temos espaço para acolher os pais, uma sala de aula nunca foi suficiente, sempre ficam quase 50% dos pais fora. Na área aberta coberta também não é suficiente. Quando há Encontrão dos Jovens das comunidades também não dá para acolher a todos.
     Um grande avanço foi seu credenciamento nos termos da Resolução n° 430/2009, aprovada em 15 de setembro de 2009, para ministrar a Educação Infantil, e o Ensino Fundamental, reconhecido.      
      Outro avanço foi a implantação de Internet, em agosto de 2010, Professor da Família também em 2010, professores melhores formados, pois nosso corpo docente hoje tem nível superior, outros já com especialização, muitos pais também já se alfabetizaram através dos cursos de EJA e TAF oferecidos pela própria Escola.
       Como pilares básicos, se busca aprender a conhecer, aprender a ser, aprender a fazer e aprender a conviver, e ministra uma educação baseada na Lei de Diretrizes e Bases (LDB), Parâmetros Curriculares Nacionais, Conselho Estadual de Educação, as diretrizes da Secretaria Municipal, Regimento Interno da Escola e Projeto Político Pedagógico, visando a formação integral dos alunos.
       Os valores apontados são: a solidariedade, a formação do ser humano, a ética, o respeito, o compromisso, a dignidade humana, cidadania, paz, e educação para a vida.
       A Escola situa-se na zona rural, a norte da sede do seu município, distante 38 km.
       As profissões mais frequentes dos pais são pedreiro, pescador, agricultor, artesão diversos e outros.
      Abrangência de ensino atualmente: Ensino Infantil – Creche e Pré-escola, Fundamental I e II.
      As principais dificuldades são a falta de uma estrutura adequada e a falta de educação de alguns alunos e pais, causando indisciplina escolar.
        Seu contingente geral atualmente compõe-se de: 23 crianças de creche, 28 pré-escolar, 83 fundamental I e 66 fundamental II. 13 professores, 1 diretora, 1 coordenadora e 7 funcionários.
       Seu impacto social compreende escola com ensino de qualidade, necessária para o crescimento educacional de todos e, bom atendimento aos pais.
        A escola é um ambiente onde os pais confiam que seus filhos receberão boa educação, sentem seus filhos protegidos do perigo da rua, pois conhece que os projetos sociais como, esporte, projeto leitura, e outros são de valiosa importância e, esperam educação e segurança, não só os pais, mas a sociedade em geral. 
       A Escola, por algumas vezes, participou de prêmios de incentivo a Educação. Em 1996, foi contemplada com o Prêmio na qualidade de MENOR ÍNDICE DE EVASÃO, recebendo um CERTIFICADO e um congelador, e a Diretora recebeu um prêmio de quinhentos reais (R$500,00).
      Como nesta comunidade até 1996 não tinha energia, e como ela ganhou um congelador, o senhor prefeito marcou o ano de 1997 com a implantação de energia na Escola.
       Em 2006, a Escola recebeu um Diploma de Menção Honrosa, do Prêmio Escola 2006 – de Incentivo à Prevenção às DST/Aids e ao Uso Indevido de Drogas nas Escolas por relevância dos trabalhos realizados em educação preventiva junto a crianças e adolescentes. O ganhador foi o aluno Damião Felipe Brandão de Sousa, e a Coordenadora Pedagógica Dulcivane Brandão do Nascimento que ganhou uma viagem a Belo Horizonte, para participar da Conferencia.
       Por três vezes, a Escola Participou da Conferencia Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente, recebendo certificados.
       Recebeu Diplomas do Projeto ELEITOR DO FUTURO, por participação nas Campanhas de Alistamento Eleitoral nas Escolas.
      Recebeu certificado também por participar do Programa de Avaliação Continuada do SPAECE.
       Desde 2005, participa da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica e tanto a Escola como os alunos, professores e gestores recebem certificados.
     Participa também da OBMEP (Olimpíada Brasileira de Matemática) e das Olimpíadas de Geografia.
        A Escola trabalha o Programa SPE (Saúde e Prevenção na Escola), o Projeto Cultura Afro brasileira, o Projeto Professor da Família, Projeto Meio Ambiente incluindo Horta Escolar, Banco de Chá e outros.
        Fundamenta-se no Estatuto da Criança e Adolescente para agir de maneira legal.
        Tem ainda o Grêmio Estudantil, o Conselho Escolar, o Programa Escola que Protege, a APM (Associação de Pais e Mestres) na qual através dela a Escola recebe o Recurso do PDDE (Programa Dinheiro Direto na Escola, desde 1999, e se mantém com esse recurso.
         Ao ser encerrado esse Memorial Escolar, será deixado em anexo o nome de todos os professores que nesta Escola trabalharam e ou trabalham, os auxiliares de serviços gerais, vigia, gestores que vêm contribuindo com o crescimento educacional deste Município e, junto a Escola faz todo o possível para conseguir uma educação que sirva para a vida, vida de seres humanos com felicidade.





Alzira Nunes Brandão de Souza 
                                                                                  Diretora

                                                                                                  

Memorial da EEF São Paulo, Município de Cruz-Ce.
Escrito, pela Diretora Alzira Nunes Brandão de Souza,
durante o ano 2010 e encerrado em Dezembro de 2010.


 

Veja o Anexo



  NOME DOS PROFESSORES DA ESCOLA  EEF SÃO PAULO DE CAVALO BRAVO
ANO
PROFESSOR
TURMA
Nº DE  ALUNOS
1985
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
25
1986
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
30
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
34
                                                                          TOTAL
64
1987
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
20
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
22
                                                                          TOTAL
42
1988
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
22
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
18
                                            TOTAL
40
1989
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
21
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
18
''
Vanuza Brandão do Nascimento
2ª Série
17
                                            TOTAL
56
1990
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
22
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
30
                                            TOTAL
52
1991
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
17
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
24
                                            TOTAL
41
1992
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
23
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
16
''
Francisco Henrique da Conceição
2ª Série
16
                                                                          TOTAL
55
1993
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
26
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
22
''
Francisco Henrique da Conceição
2ª Série
13
''
Maria Rutilane Brandão do Nascimento
3ª Série
18
                                            TOTAL
79
1994
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
27
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
27
''
Francisco Henrique da Conceição
2ª Série
18
''
Maria Rutilane Brandão do Nascimento
3ª Série
18
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
4ª Série
22
                                           TOTAL
112
1995
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
27
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
1ª Série
15
''
Francisco Henrique da Conceição
2ª Série
23
''
Maria Rutilane/1°semestre/Dulce/2°semestre
3ª e 4ª Série
20
                                                                          TOTAL
85
1996
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
23
''
Francisco das Chagas Sobrinho
1ª Série
19
''
Francisco Henrique da Conceição
2ª Série
16
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
3ª Série
15
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
4ª Série
15
                                                                          TOTAL
88
1997
Francisca Ferreira Brandão
Alfabetização
18
''
Francisco das Chagas Sobrinho
1ª Série
27
''
Francisco Henrique da Conceição
2ª Série
17
''
Francisca Ferreira Brandão
3ª Série
16
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
4ª Série
14
''
Francisco Henrique da Conceição
1ªe2ª Série/Adulto
22
                                           TOTAL
104
1998
Francisca Ferreira Brandão
1ª Série A
29
''
Francisca Carvalho da Mota
1ª Série B
27
''
Francisco Henrique da Conceição
2ª Série A
28
''
Auristela Martins de Vasconcelos
2ª Série B
21
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
3ª Série
24
''
Francisco das Chagas Sobrinho
4ª Série
21
                                           TOTAL
150
1999
Maria Vanda Marques
Alfabetização
23
''
Francisca Ferreira Brandão
1ª Série
24
''
Alzira Nunes Brandão de Souza
2ª Série A
22
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2ª Série B
22
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
3ª Série
26
''
Francisco Henrique da Conceição
4ª Série
23
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
2ª Série/Adulto
25
                                           TOTAL
165
2000
Maria Vanda Marques
Pré-escolar A
32
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
Pré-escolar B
21
''
Francisca Ferreira Brandão
1ª Série
35
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2ª Série
24
''
Carla Janaína Santos
3ª Série
30
''
Carla Janaína Santos
4ª Série
25
''
Maria Leonora Lima Brandão
5ª Série
21
''
Francisco Henrique da Conceição
Aceleração III
27
                                           TOTAL
215
2001
Maria Fonteles Brandão
Pré-escolar A
20
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
Pré escolar B
16
''
Francisca Ferreira Brandão
1ª Série
31
''
Maria Vanda Marques
2ª Série
32
''
Almerinda de Freitas Louzada
3ª Série
20
''
Francisco das Chagas Sobrinho
4ª Série
20
''
Francisco Henrique da Conceição
5ª série
22
''
Maria Vanda Marques
EJA
22
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
TAF
23
                                          TOTAL
206
2002
Maria Vanda Marques
Pré-escolar U
46
''
Francisca Ferreira Brandão
1ª Série
33
''
Almerinda de Freitas Louzada
2ª Série
34
''
Francisca Ferreira Brandão
3ª Série
25
''
Francisco das Chagas Sobrinho
4ª Série
21
''
Francisco Henrique da Conceição
5ª série
29
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
6ª Série
21
''
Rita Kátia Lima Brandão
7ª Série
18
''
Maria Vanda Marques
EJA
17
                                          TOTAL
244
2003
Maria Fonteles Brandão
Pré-escolar U
26
''
Almerinda de Freitas Louzada
Alfabetização U
28
''
Maria Vanda Marques
1ª Série
20
''
Francisco Henrique da Conceição
2ª série
22
''
Almerinda de Freitas Louzada
Mult 1ª/2ª Série
16
''
Francisca Ferreira Brandão
3ª Série
22
''
Francisco das Chagas Sobrinho
4ª Série
25
''
Rita Kátia Lima Brandão
5ª Série
16
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
6ª Série
17
''
Francisco Henrique da Conceição
7ª Série
18
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
TAF
20
                                          TOTAL
240
2004
Gislaine Cristina do Nascimento
Pré-escolar I U
22
''
Maria Vanda Marques
Pré-escolar II U
16
''
Maria Vanda Marques
1ª Série
23
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2ª série
18
''
Almerinda de Freitas Louzada
Mult. 1ª e 2ª
15
''
Fernando Marcio da Silva
3ª A
15
''
Francisca Ferreira Brandão
3ª B
18
''
Francisco das Chagas Sobrinho
4ª U
21
''
Gislaine Cristina do Nascimento
EJA
20
''
Francisco das Chagas Sobrinho
5ª U
26
''
Francisco das Chagas Sobrinho
6ª U
17
''
Francisco Henrique da Conceição
7ª U
19
                                           TOTAL
230
2005
Gislaine Cristina do Nascimento
Pré-escolar I
22
''
Maria Vanda Marques
Pré-escolar II
17
''
Maria Vanda Marques
1ª U
20
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2ª U
25
''
Francisca Ferreira Brandão
3ª U
17
''
Francisco das Chagas Sobrinho
4ª U
21
''
Almerinda de Freitas Louzada
3ª/4ª U
12
''
Francisca Ferreira Brandão
EJA
17
''
Gislaine Cristina do Nascimento
5ª U
22
''
Dulcivane Brandão do Nascimento
6ª U
23
''
Francisco Henrique da Conceição
7ª U
17
''
Francisco Henrique da Conceição
8ª U
17
                                          TOTAL
230
2006
Gislaine Cristina do Nascimento
Pré I A
19
''
Maria Vanda Marques
Pré-escolar II U
11
''
Almerinda de Freitas Louzada
Pré-escolar II
17
''
Maria Vanda Marques
1° Ano
21
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2ª Série
22
''
Francisca Ferreira Brandão
3ª Série A
15
''
Claudenia Araujo Avelino
3ª B
11
''
Francisco das Chagas Sobrinho
4ª U
20
''
Francisca Ferreira Brandão
EJA 1ª e 2ª
12
''
Francisca Ferreira Brandão
EJA 5ª e 6ª
13
''
Gislaine Cristina do Nascimento
5ª A
19
''
Fernando Marcio da Silva
5ª B
14
''
Francisco Henrique da Conceição
6ª U
21
''
Osmundo de Souza Albuquerque
7ª A
17
''
Francisco Henrique da Conceição
7ª B
12
''
Osmundo de Souza Albuquerque
8ª U
19
                                           TOTAL
263
2007
Maria Eleusa Araújo
Inf 3 A
16
''
Gislaine Cristina do Nascimento
Inf 4 U
14
''
Maria Vanda Marques
Inf 5 U
14
''
Maria Vanda Marques
1° Ano
17
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2° Ano
17
''
Maria Gardene de Souza
4° U
25
''
Francisca Ferreira Brandão
EJA I/II
10
''
Francisco das Chagas Sobrinho
5° A
13
''
Fernando Marcio da Silva
5° B
10
''
Gislaine Cristina do Nascimento
6° U
23
''
Osmundo de Souza Albuquerque
7° A
14
''
Francisco Henrique da Conceição
7° B
11
''
Osmundo de Souza Albuquerque
8° U
28
''
Francisco Henrique da Conceição
9° U
27
                                           TOTAL
239
2008
Gislaine Cristina do Nascimento
Inf 4 A
14
''
Claudenia Araujo Avelino
Inf 4 B
10
''
Maria Vanda Marques
Inf 5 A
12
''
Maria Eleusa Araujo
Inf 5 B
11
''
Maria Vanda Marques
1° Ano
16
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2° Ano
17
''
Maria Gardene de Souza
16
''
Francisco das Chagas Sobrinho
21
''
Gislaine Cristina do Nascimento

6° A

12
''
Osmundo de Souza Albuquerque
''
Claudenia Araujo Avelino
6° B
10
''
Osmundo de Souza Albuquerque

7° U

24
''
Francisco Henrique da Conceição
''
Gislaine Cristina de Nascimento

8° A

14
''
Osmundo de Sousa Albuquerque
''
Francisco Henrique da Conceição
8º B
11
''
Francisco Henrique da Conceição
9° U
29
''
Fernando Marcio da Silva
EJA I
9
''
Maria Gardene de Souza
EJA 5ª e 6ª
14
                                                                         TOTAL
250
2009
Kátia Oliveira Costa
Inf 3 A
14
''
Maria Auricelia Oliveira
Inf 3 B
10
''
Claudenia Araujo Avelino
Inf 4 Ú
12
''
Maria Gardene de Souza
Inf 5 Ú
14
 ''
Maria Vanda Marques
1° Ano  Ú
16
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2° Ano Ú
15
''
Seliane Saboia de Meneses
3° Ano Ú
15
''
Francisco Henrique da Conceição
4° Ano Ú
14
''
Francisco Henrique da Conceição
6° Ano Ú
20
''
Fernando Marcio da Silva
7° Ano Ú
20
''
Fernando Marcio da Silva
8° Ano A
12
''
Isaias Pereira Barros
8° Ano B
9
''
Fernando Marcio da Silva
9° Ano A
12
''
Isaias Pereira Barros
9° Ano B
11
                                           TOTAL
194
2010
Maria Gerdene de Souza
Inf 3 A
15
''
Maria Auricélia Oliveira
Inf 3 B
8
''
Maria Vanda Marques
Inf 4 e 5 A
21
''
Maria Eleusa Araujo
Inf 4 e 5 B
9
''
Maria Vanda Marques
1° A
11
''
Almerinda de Freitas Louzada
1° B
9
''
Francisco das Chagas Sobrinho
2° Ú
16
''
Meridiane Brandão de Souza
3° Ú
17
''
Francisco Henrique da Conceição
4° Ú
17
''
Isaias Pereira Barros
5° Ú
15
''
Fernando Marcio da Silva

7° Ú

24
''
Seliane Saboia de Meneses
''
Francisco Henrique da Conceição
''
Francisco das Chagas Sobrinho
''
Fernando Marcio da Silva


8° Ú


20
''
Seliane Saboia de Meneses
''
Francisco Henrique da Conceição
''
Francisco das Chagas Sobrinho
''
Fernando Marcio da Silva


9° Ú


24
''
Seliane Saboia de Meneses
''
Francisco Henrique da Conceição
''
Francisco das Chagas Sobrinho
                                          TOTAL
206
Aqui, registrarei os nomes de todos os Auxiliares de Serviços Gerais:
Ano
Nome dos Auxiliares de Serviços Gerais
1985
A própria professora – Francisca Ferreira Brandão

1986 a 1988
Izaura Ferreira Brandão
Matilde Martins Brandão

De 1989 a 1998
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão

1998
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão
Eliane Rodrigues de Sousa


1999
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão
Eliane Rodrigues de Sousa
Celeste Silveira Araújo
Francisco Ferreira Brandão




2000 e 2001
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão
Eliane Rodrigues de Sousa
Francisco Ferreira Brandão
Celeste Silveira Araújo
Maria Helena do Nascimento
Maria Augusta Brandão



2002 e 2003
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão
Eliane Rodrigues de Sousa
Maria Ferreira de Souza
Celeste Silveira Araújo
Francisco Ferreira Brandão
Maria Helena do Nascimento








2004
Eliane Rodrigues de Souza
Francisco Ferreira Brandão
Maria Ferreira de Souza
Maria Helena do Nascimento
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão
Francisca Valda da Conceição
Gleiton Magalhães de Sousa
Marcos Jacinto de Sousa
Maria Alcione de Araujo
Maria Lucia do Nascimento
Maria Irani Vital






2005
Eliane Rodrigues de Souza
Francisco Ferreira Brandão
Maria Ferreira de Souza
Maria Helena do Nascimento
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão
Marcos Jacinto de Sousa
Maria Lucia do Nascimento
Maria Irani Vital





2006 a 2008
Eliane Rodrigues de Souza
Francisco Ferreira Brandão
Maria Ferreira de Souza
Maria Helena do Nascimento
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão
Maria Lucia do Nascimento
Maria Irani Vital




2009
Eliane Rodrigues de Souza
Francisco Ferreira Brandão
Maria Ferreira de Souza
Maria Socorro de Souza
Matilde Martins Brandão
Maria Lucia do Nascimento
Maria Irani Vital





2010
Eliane Rodrigues de Souza
Francisco Ferreira Brandão
Maria Ferreira de Souza
Maria Socorro de Souza
Maria Lucia do Nascimento
Maria Irani Vital
Francisca Martins Vasconcelos Louzada

       Ao concluir esse trabalho, ofereço a EEF São Paulo, como um memorial de sua própria vida, um presente de suas “Bodas de Prata”. E eu que a vinte e cinco anos acompanho esta escola, (como gestora mesmo em exercício de sala de aula nos primeiros 14 anos), assino este documento, como um marco de vida dessa amada Escola.


Alzira Nunes Brandão de Souza
                                                                                                                          Diretora




Cavalo Bravo
Dezembro-2010